Seja Nosso Patrocinador
Dr Franco Marcio
Rota Beer Distribuidora
Hot Dog Parada
Erasmo sabino
Nordeste Pisos

Categoria: , ,

Sesed, MPRN e FNF decidem por torcida única no Estadual

Está decidido. O formato de torcida única vai se manter até o final do campeonato potiguar de 2023. A decisão veio em reunião nesta segunda-feira 13, Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (Sesed), Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) e a Federação Norte Riograndense de Futebol (FNF), com o argumento de evitar a violência durante o restante da competição.
O promotor de Justiça do Ministério Público do RN Luiz Eduardo Marinho afirmou que a proposta foi tomada em comissão e se baseia em dados técnicos. “O que nós fizemos aqui, bem pragmaticamente, foram analisar números e situações especiais que fogem da alçada do torcedor comum”, disse. De acordo com o Marinho, a intenção é minimizar os riscos e proteger o ‘torcedor de bem’. “O que estamos mostrando é que a torcida única garante segurança ao bom torcedor. Então temos que desmistificar isso, a torcida única não foi criada para acabar com a violência na nossa sociedade, ela foi criada para garantir o direito do bom torcedor.”
Ele afirmou que em nenhum momento a intenção dos órgãos foi fazer cessar a violência nos jogos, por que isso, segundo ele, seria uma ‘utopia’. “Em nenhum momento, ninguém, nem o ministério público, nem a Secretaria de Segurança e a Federação de Futebol afirmou que a torcida única iria acabar com a violência nos estádios. Isso aí é uma utopia. Isso é uma questão que tem que ser tratada por gerações”, disse.

O membro do MP afirmou ainda que, após o término do campeonato, se pretende realizar audiências públicas para tratar do assunto e pensar a respeito do torneio no ano que vem. “A ideia de que a partir do final do estadual, através de audiências públicas, com ampla divulgação e principalmente com responsabilidade de quem está presente discutindo, a gente possa começar um caminho para gestar novos documentos e possibilitar que essa torcida volte gradativamente ao campo de forma mais ordeira e tranquila”.
Segundo o secretário de Segurança Pública e de Defesa Social, Coronel Francisco Araújo, a decisão será mantida para “preservação da vida” haja visto os acontecimentos recentes de violências, mas que reuniões poderão ocorrer com as torcidas organizadas para se buscar um entendimento. “Nos entendemos que este ano ficará com torcida única e no decorrer do ano nós iremos fazer outras reuniões, ouvir outras instituições, inclusive as com as próprias torcidas organizadas. Mas, atualmente, está mantido a torcida única nos estádios.”

O diretor de operações da Federação Norte Rio-Grandense de Futebol (FNF), Gabriel Freitas, disse que qualquer mudança de regras no decorrer do campeonato também infringiria o princípio de isonomia. “A gente tem que pensar na segurança jurídica e zelar pelo princípio de isonomia dos nossos filiados. A gente não pode mudar a regra durante o campeonato. Começamos assim e vamos manter assim”, disse.
O retorno das famílias e crianças aos estádios, assim como a melhora na segurança e a “queda sensível” foram os principais pontos para a manutenção da decisão, afirmou o Comandante Geral da Polícia Militar, Coronel Alarico Azevedo. “Foi possível ver a volta de casais com seus filhos para os estádios. Isso também é um dado muito importante. É a preservação da segurança do cidadão e do torcedor. A torcida única acabou com a violência? Não. Mas elas estão acontecendo em proporção muito menor.”

No próximo domingo 19, às 16h, acontece um novo clássico entre América e ABC, em partida válida pela terceira rodada do quadrangular final do Campeonato Potiguar. O palco será a Arena das Dunas. Atualmente lidera o alvirrubro lidera o campeonato potiguar com seis pontos. Até o fim deste ano, poderão ocorrer quatro clássicos caso ambos os times avancem às finais.

Por AgoraRN

Posts Recentes
Formulário

Quer receber noticias ?

Preencha com seu E-mail, WhatsApp e vamos te enviar novidades

Compartilhe nas redes sociais

Artigo relacionados