Seja Nosso Patrocinador
Dr Franco Marcio
Rota Beer Distribuidora
Hot Dog Parada
Erasmo sabino
Nordeste Pisos

Categoria:

Estado já sabia que criminosos planejavam ataques no RN, diz secretário | rio grande do norte

As forças de segurança do Rio Grande do Norte já sabiam que criminosos estavam se articulando para realizar ataques em cidades do estado desde a segunda-feira (13), segundo afirmou o secretário de Segurança, coronel Francisco Araújo, em entrevista coletiva na manhã desta terça-feira (14).

Os ataques começaram na madrugada. Pelo menos cinco suspeitos foram presos com galões de gasolina e coquetéis molotovm segundo o governo. A polícia ainda não informou quais os motivos do ataque, mas disse que aumentou o policiamento nas ruas.

“Nós tínhamos informações de possíveis ações. Colocamos todo o sistema em atenção, com ações que começamos a empreender ontem à tarde para atenuar qualquer ação que tivesse. A motivação dos ataques que aconteceram, cabe à investigação, nós não vamos detalhar, cabe à investigação por parte da Polícia Civil e da Polícia Federal, através das duas Forças-Tarefas – a de Mossoró e a de Natal”.

Pelo menos 14 cidades do Rio Grande do Norte tiveram uma madrugada de ataques a tiros e incêndios em prédios públicos, comércios e veículos, nesta terça-feira (14). De acordo com a polícia, uma pessoa morreu em confronto com forças de segurança.

Além da capital, Natal, foram alvo de ataques as cidades de Acari, Boa Saúde, Caicó, Campo Redondo, Cerro Corá, Jaçanã, Lajes Pintadas, Montanhas, Mossoró, Parnamirim, Santo Antônio. Tibau do Sul e São Miguel do Gostoso.

Entre os alvos estão um fórum de Justiça, duas bases da PM e uma prefeitura e um banco. Também foram atingidos uma loja de motos e carros que estavam estacionados nas ruas e em garagens públicas.

A Secretaria de Segurança do RN ainda não informou um balanço do total de prédios e veículos atrasados. A pasta informou que as investigações em andamento para identificação dos mandantes.

O governo ainda considerou que conseguiu evitar mais ataques, com prisão de suspeitos, na noite de segunda-feira (13).

“Prendemos pessoas suspeitas, identificamos locais onde estavam recipientes com gasolina. Em outros locais aconteceram porque é impossível estarmos em todos os lugares, mas chegamos quase no momento dos acontecimentos. Estamos garantindo ao cidadão a segurança. Qualquer situação de anormalidade, pedimos que a população acione o 190. Não vamos admitir que alguma organização criminosa venha colocar medo na sociedade”, afirmou o comandante-geral da PM, coronel Alarico Azevedo.

O governo estadual afirmou que o governo federal ofereceu apoio, mas ainda avalia se vai pedir ajuda da Força Nacional. “No decorrer do dia, vamos avaliar a situação. No momento, todas as forças de segurança do estado e as federais, como Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal, que já estão aqui, estão mantendo a ordem”, disse o secretário Araújo.

Por G1 RN.

Posts Recentes
Formulário

Quer receber noticias ?

Preencha com seu E-mail, WhatsApp e vamos te enviar novidades

Compartilhe nas redes sociais

Artigo relacionados